Optchá meu Povo Cigano!!

Optchá meu Povo Cigano!!
Fatima Silva Amaya

Gitana Fatima Silva Amaya

15 de março de 2011

O Baralho da Vovó Cigana

O Baralho da Vovó Cigana é uma iniciativa de Tamina Thor, ilustrado por Renato Martins datado de 1995. Segundo “a autora”, o Baralho primeiramente foi pintado a óleo quando em mãos da matriarca cigana da família e repassado por duas gerações, no entanto as lâminas originais não sobreviveram ao desgaste do tempo. O resgate se deu através de sua recriação em 48 cartas com desenhos de fácil entendimento, mantendo vínculos iconográficos com a proposta inicial de suas ancestrais.


Bem diferente dos chamados “Baralhos Ciganos” de 36 cartas quando estes têm inspiração - mesmo que ao longe - no afamado Petit Lenormand, Tamina apresenta cartas com denominações totalmente fora do comum, ou porque não dizer, exóticas; visto muitos dos simbolismos da Vovó fugirem completamente as referências das Cartas Ciganas. Outros fatores interessantes de serem observados são a ausência de numeração nas lâminas e a falta da carta A Estrela encontrada em quase todos os decks disponíveis mercado.


As 48 lâminas se dividem em 7 cores distintas, e o pequeno livreto que acompanha o Baralho não explica os motivos pelas quais o cromatismo tem essa divisão. São 11 cartas que o azul predominante é o claro, 4 de tonalidade azul bem mais escura, 10 ressaltando o verde-claro, 1 pigmentada de verde-petróleo, 8 cujo o amarelo se sobressai, 2 alaranjadas e 12 de cor vermelha. O diminuto manual traz dois tipos de tiragens e explicações sucintas de cada carta.

As Cartas da Vovó Cigana na ordem do índice
1- Mar, 2- Sol, 3-Pombal, 4- Criança, 5- Dragão, 6- Sapo, 7- Garrafa, 8-Mulher com livro aberto, 9- Mulher com ramalhete de flores, 10- Mulher com coruja no ombro, 11- Caixão, 12 - Cruz, 13- Médico, 14-Mercúrio, 15- Advogado, 16- Montanhas, 17- Homem com cavalo marrom, 18 - Homem com espada, 19- Locomotiva, 20- Navio, 21- Homem com cavalo preto, 22- Balão, 23- Escada, 24- Grade, 25- Cornucópia, 26- Cadeira, 27- Vassoura, 28- Pente, 29- Pimenteira, 30-Igreja, 31- Relógio, 32- Cão, 33-Casa, 34- Envelope, 35- Homem com cavalo malhado, 36-– Poço, 37- Cachimbo, 38- Tesoura aberta, 39- Tesoura fechada, 40- Dedo com aliança, 41 Grinalda, 42- Lua, 43- Homem com cavalo branco, 44- Mulher com as mãos cruzada, 45- Ovos, 46- Punhal, 47- Vela, 48-Galo.



Sem dúvida que O Baralho da Vovó Cigana ganha destaque por seu diferencial inovador, e, para quem gosta de um bom desafio sem pressa de como aprender manuseá-lo, é só seguir em frente sabendo que não há referenciais para seu estudo, senão a intimidade que se adquire com o uso constante

2 comentários:

  1. Adoro os baralhos são maravilhosos!
    Amo jogar tem tudo a ver comigo!
    P/ se jogar é necessário chamar uma cigana?
    Obrigado! Axé!

    ResponderExcluir
  2. Boa Noite! Você poderia me dizer onde encontro os significados de cada lâmina do baralho da vovó cigana? Desde já, agradeço! Abraços

    ResponderExcluir